Publicidade


terça-feira, 11 de setembro de 2018

Ex-comandante da PM em Bonito é encontrado morto na BR-232, em Bezerros

Na noite desta segunda-feira (10) um policial militar morreu atingido por um disparo de arma de fogo, na BR- 232, entre o Parque Rufina Borba e o distrito de Encruzilhada de São João, na zona rural de Bezerros.

Geraldo Adelino da Silva, de 48 anos, o Sargento Adelino, era lotado no 4º BPM como um dos componentes do GATI, era casado, morava em Bezerros e deixou esposa e dois filhos. Ele foi encontrado morto ao lado do seu veículo Gol prata que colidiu numa árvore e a sua pistola estava dentro do carro em cima do banco do passageiro.

O amigo de infância do sargento, Cildo, disse que o policial bateu na árvore e ligou para a esposa solicitando um reboque e quando os dois irmãos chegaram no local ele estava morto ao lado do carro apresentando uma lesão no peito e verificaram que a pistola dele estava dentro do carro. Por ter sofrido um acidente com uma arma de fogo, ele estava afastado de suas funções na Polícia Militar.

O agente M. Portela, da Polícia Rodoviária Federal, disse que pelas evidências encontradas pelo Perito Criminal do IC - Instituto de Criminalística, a vítima pode ter sido assassinada, mas há um forte indício de ter cometido um suicídio.

M. Portela informou que um único tiro foi efetuado, atravessou o corpo do sargento, atravessou o banco e possivelmente se dividiu em duas partes ao se chocar em alguma estrutura metálica do banco e provocou duas perfurações no vidro traseiro do carro.

Sargento Adelino foi Comandante do Pelotão da Polícia Militar em Bonito, em 2012. O corpo foi encaminhado para o IML de Caruaru.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para acessar postagens mais antigas clique aqui

Para acessar postagens mais antigas clique aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...