Publicidade


segunda-feira, 18 de abril de 2016

Câmara aprova processo de impeachment de Dilma, que segue para o Senado

O pedido de abertura de Impeachment segue agora para o Senado.

Foto: Alan Marques/Folhapress

A Câmara dos Deputados aprovou na noite deste domingo (17) a abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT). O 342º voto em favor do impedimento, atingindo a barreira de 2/3 da Casa necessários para a aprovação, foi dado pelo deputado pernambucano, Bruno Araújo (PSDB).

Os debates na Câmara haviam começado às 8h55 de sexta (15). e se arrastou até as 23h40 deste domingo (17). No total, 367 a favor e 137 contra, ainda contou com 7 abstenções e 2 faltas.

A partir de agora, o pedido segue para o Senado. Uma comissão especial será formada, e o relatório aprovado pelo colegiado será votado em plenário. Nessa fase, os senadores decidirão, por maioria simples, se o processo de impeachment será instaurado. Caso seja aberto, Dilma será afastada por até 180 dias e o vice-presidente assume. No julgamento, Dilma será cassada se dois terços dos senadores votarem a favor.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para acessar postagens mais antigas clique aqui

Para acessar postagens mais antigas clique aqui

6 anos levando a notícia com responsabilidade.

6 anos levando a notícia com responsabilidade.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...